Como enviar uma camiseta

Como um futuro empresário que se prepara para vender camisetas na internet, você deve ter muitas considerações a fazer, uma delas e muito importante, está relacionada ao envio de suas vendas a seus clientes. O processo de envio, envolve muito mais do que apenas escolher entre uma caixa de papelão ou uma embalagem criativa, que pode ajudar no marketing da sua marca. Você precisa escolher co qual empresa vai trabalhar e os serviços irá disponibilizar na sua loja. Você precisa saber como embalar o produto, pois eles podem ir para a rua de trás de seu QG, ou podem ir parar do outro lado do país, depois de 30 dias de viagem, em ambos os casos suas camisetas devem chegar impecáveis.

Considere suas opções de embalagem

Uma embalagem criativa ajuda no reconhecimento de marca. A embalagem pode definir a imagem de sua marca junto ao seu cliente, vá além da concorrência, esse pode ser um diferencial seu. Você pode colocar uma simples camiseta dentro de um tudo de papelão, com frases legais escritas, com imagens impressas, com sua marca bem visível. Quem sabe você queira usar uma sacola ecológica feita em tecido de algodão reciclado, ou cru. Ou talvez um simples envelope plásticos, que garanta a segurança e a praticidade, mantendo o frete mais em conta sejam suficientes. Consulte seu público, levante valores, pesquise e só então, tome a decisão de qual embalagem usar.

Escolha de caixas e embalagens

Você pode encontrar para envio e envelopes plásticos nas agências dos correios, mas em geral os preços lá são mais elevados do que na internet, se você tem muitos pedidos, comprar diretamente nos Correios, talvez não seja uma solução. Caso você queria um item mais personalizado, para combinar com a identidade visual da sua marca, você terá que buscar empresas especializadas no assunto, mas vou logo avisando, apesar do valor unitário não ser muito salgado, o grande problema é o tamanho do pedido, que normalmente os são múltiplos de 1000. Para economizar, você pode comprar caixas padrão na internet e você mesmo pode decorar, use fitas, adesivos, carimbos, são um ideia, use a criatividade, mas fique de olho sempre no custo.

Entregas locais, um problemão

As entregas em sua cidade e região, muitas vezes são um problema, pois apesar de ser na mesma localidade e a distância ser reduzida, sempre existe um custo, e o grande detalhe, é que os clientes querem agilidade, muitas vezes querem o produto para o mesmo dia, e o principal, não querem pagar por isso, pois estão na mesma cidade e as vezes chegam a achar a cobrança um absurdo. Só como exemplo, um motoqueiro (de cooperativa), aqui na minha cidade, cobra para fazer uma entrega dentro de um raio de uns 10km a 15km, algo entre 10 e 15 reais. Levando em conta o preço de uma camiseta por volta de R$ 69,00, o frete pode representar pouco mais de 20% do valor da camisa, sai bem caro pra você arcar com ele sozinho.

Frete grátis

As empresas de transporte levam em conta vários fatores para fechar o valor do frete, mas sem dúvida o mais importante é o peso do pacote. Apesar de uma camiseta ser relativamente leve, prepare-se, pois as taxas cobradas no mercado nacional não estão pra brincadeira. Além disso, existe a questão da política de frete grátis. Essa política a muito é usada por empresas de grande porte como meio de ganhar mercado e matar os pequenos. Por menor que seja a sua empresa, você ter uma política nesse sentido para poder se manter competitivo.

Preparando uma camiseta para transporte

Caixas de papelão ondulado são extremamente adequadas para itens frágeis e com grandes chances de quebrar ou amassar, nesse caso, o aconselhável é usar produtos dentro das caixas que absorvam o impacto e mantenha o produto dentro da caixa integro. Você pode estar usando almofadas de ar, pedaços de isopor, papel amassado entre outros. No caso da camiseta, talvez apenas um envelope plástico lacrado seja o suficiente, coloque sua camiseta em um saquinho para protege-la, coloque sua nota fiscal e tudo mais que você quiser para agradar o cliente e então lacre o envelope, acho q isso pode ser suficiente para sua camiseta chegar integra no destino.

Ao embalar as camisetas de maneira inteligente para o transporte, elas chegam limpas e suaves e não são danificadas ou perdidas devido à embalagem rasgada.

Espero ter contribuído mais uma vez.

😉

8 dicas matadoras para ter um e-commerce de sucesso

Hoje nós estamos em um mundo completamente conectado, a internet mudou o jeito como os negócios são feitos. Um exemplo dessa afirmação é a Busted, talvez você nunca tem ouvido falar nesse e-commerce, mas trata-se de uma loja virtual de moda masculina, que tem sua sede em Natal e que vende e faz sucesso em todo Brasil. É uma pequena empresa de sucesso, quem  fatura alguns milhares de reais vendendo para todo o país de uma pequena cidade no nordeste. Os sócios da Busted, aplicaram as 8 dicas matadoras para ter um e-commerce de sucesso, quando foram desenvolver o negócio deles e hoje são um estouro.

A minha pergunta é: Você gostaria de saber quais são essas 8 dicas matadoras para ter um e-commerce de sucesso? Se sim, continue lendo esse post que eu vou passa-las para você.

Seja organizado, tenha controle total de seus ativos na WEB 

Entenda como ativos, tudo aquilo que está relacionado a sua empresa, desde seu registro de domínio até suas redes sociais. Lembre-se você depende deles estarem funcionando 100% para que você possa vender e ganhar dinheiro. Eles precisam estar em ordem.

Tenha o controle de tudo, das senhas, usuários de acesso, configurações, etc. Tudo deve estar otimizado para a sua marca, suas redes sociais, blogs, posts publicados promovendo sua empresa, tudo, simplesmente tudo, deve ter palavras-chave relevantes para o seus negócio e ter links apontando para a sua loja. Eles devem estar contidos em um plano de marketing que integre e execute de forma sincronizada e coordenada. Eles devem estar sempre atualizados, essa informação é altamente relevante.

8 dicas matadoras para ter um e-commerce de sucesso

Saiba 8 dicas matadoras para ter um e-commerce de sucesso

Segurança é tudo

Este artigo com as 8 dicas matadoras para ter um e-commerce de sucesso, não é um artigo técnico que vai ter ensinar as melhores técnicas de segurança online, mas precisamos destacar que segurança é tudo.

Os dados dos seus clientes são a coisa mais importante que você tem dentro da sua empresa. A lei diz que você tem a obrigação de manter sigilo e proteger todas as informações de seus clientes. Sempre faça backups se possível, tenha uma conexão segura com https, controle o acesso de funcionários aos dados dos cliente e por ai vai.

Atualize sempre que possível os seus sistemas, normalmente as atualizações que os fornecedores liberam, servem para cobrir alguma brecha de segurança.

Conheça sua concorrência a fundo

Um bom empresário conhece a fundo o seu concorrente. Você pode até prestar um bom serviço, vender um bom produto, mas se você não souber porque seus clientes preferem o concorrente A e não na sua loja, ser o melhor não é o principal.

Quando você for conhecer sua concorrência, você precisa saber quais mídias sociais ele está usando para divulgar os produtos dele. Você deve saber quais palavras-chave ele está usando para levar os clientes para o site dele. Você deve saber exatamente o perfil de foto que eles usam para atrair os seus clientes. Você precisa saber quais preços eles estão praticando. Você precisa saber se ele está fazendo anúncios, se está usando Adwords.

Definitivamente, você precisa estar no encalço deles, conhecer eles a fundo.

Como anda sua reputação?

O custo para trazer um visitante até seu site é bem alto, para transforma-lo em cliente é ainda maior. Sabendo disto, fico me perguntando, o que você está fazendo para dar uma experiência extremamente positiva par seu cliente?

Tenha um atendimento impecável, acompanhe o que estão falando da sua marca na internet, acompanhe o reclame aqui, provavelmente a maior ferramente de reclamação online do Brasil. Se possível, coloque o feedback de outros clientes na sua página.

Conheça seus clientes e trabalhe nichos de mercado

Como falado no post: abrir um e-commerce de camisetas, o guia definitivo, Conhecer seus clientes é tudo no mundo online. Veja bem, no mundo físico os clientes estarão passando na sua porta, eles é quem vão tomar a decisão de entrar ou não, decisão essa baseada bem provavelmente no que você irá apresentar na sua vitrine. Basicamente você gastará nada ou quase nada se aquele cliente parar na sua vitrine e passar direto.

No mundo online isso é diferente. O cliente que entrar no seu site, visualizar sua vitrine e não comprar, ou pelo menos não deixar um e-mail, fará você ter gasto uma baita grana.

Para minimizar esse efeito, conhecer o que seus clientes querem é de vital importância, usar a necessidade dele, para atraí-lo a sua loja, é um estratégia altamente eficaz. Pensando assim, os meninos da Busted encontraram uma oportunidade em um nicho ainda pouco explorado, eles optaram por vender camisetas gola canoa na internet, algo que dificilmente você encontraria a tempos atrás, mas que hoje já é bem comum.

Camiseta gola canoa da Busted são um sucesso

A Busted descobriu um nicho e hoje explora com sucesso a venda de camisetas gola canoa na internet.

Descubra o nicho que você quer trabalhar e facilite a vida do seu negócio.

Plataforma de e-commerce é tudo

Invista em uma boa plataforma de e-commerce. Hoje em dia, existem milhares de plataformas dos mais variados tipos. Não vamos entrar em detalhes sobre isso agora, deixaremos para outro post mais adiante, mas lembres-se quais são os principais fatores na hora de escolher a sua:

  • suporte;
  • flexibilidade;
  • funcionalidades;
  • integrações;
  • meios de pagamentos;
  • SLA;
  • customização;
  • custo com implantação;
  • mensalidade;
  • comissão.

O que está acontecendo no mundo?

Se este tópico não estivesse entre as 8 dicas matadoras para ter um e-commerce de sucesso, não tínhamos a necessidade de escrever esse post

O mundo está em constante movimento e evolução, e você está acompanhando isso? Todos os dias novas ferramentas, novas mídias, novas integrações são criadas. Você está agregando elas ao seu negócio, de que lado do muro você está? Você está ligado com as últimas tendências ou faz o perfil empresário arcaico, que fica atrás do balcão?

Marketing como a nona dica das 8 dicas matadoras para ter um e-commerce de sucesso

Marketing não faz parte das 8 dicas matadoras para ter um e-commerce de sucesso, mas não significa que não seja primordial para o seu negócio

Lembre-se, seus concorrente pode estar evoluindo e tomando seus clientes e suas vendas.

Perseverança e persistência são importantes

Não acredite no que você ouviu nas palestras sobre o mercado online. Aquelas “cases” de sucesso, onde o empresário lança um produto e divulga online e fica rico da noite para o dia, nada mais são do que “cases”.

O dia a dia de um empresário online é desgastante, assim como de uma loja física. Atender os clientes online, preparar campanhas de marketing, preparar campanhas de e-mail marketing, fazer a gestão do financeiro, gerir as equipes de trabalho e por aí vai. Cansei só de pensar.

O trabalho é árduo meu amigo, então tenha persistência, persevere.

Teste, teste, teste

O mundo online é ele baseado em testes. Você irá encontrar pessoas que se dizem experts em ecommerce, agências de marketing dizem: “vamos colocar seu negócio no topo”. Não acredite neles, cada negócio tem suas peculiaridades, o que funciona para um, não necessariamente funcionará para você.

A palavra de ordem no mundo online é teste. Teste tudo, começando pela cor do botão comprar do seu site, as fotos dos seus anúncios e dos seus posts, o copy dos seus textos, os meios de pagamentos, os preços, as fotos dos seus produtos e por aí vai.

Concluindo

Todo negócio tem seus riscos, se você tiver tempo e capital suficiente para aprender e evoluir juntamente com seus negócio, você deverá minimizar esses riscos. Boa sorte na sua jornada.

Quer conhecer um negócio de sucesso que seguiu as 8 dicas matadoras para ter um e-commerce de sucesso, visite: https://www.vistabusted.com.br/pagina/quem-somos.html

Abrir um e-commerce de camisetas, o guia definitivo

Podemos citar uma centena de lojas de camisetas online que abriram e fecharam logo em seguida, e uma outra centena de lojas que abriram e deram certo, assim como a Busted. O negócio de  camisetas online tem sofrido um boom nos últimos anos, muitas pessoas tentam ganhar dinheiro vendendo camisetas na internet, no entanto isso não é fácil. E você, sabe como abrir um e-commerce de camisetas.

Como abrir um e-commerce de camisetas, o guia definitivo

Um belo dia, você acordou e sentiu a necessidade que tinha que abrir um e-commerce de camisetas, mas você tem alguma ideia de como começar?

Você sabia que produzia artes legais e tinha certeza que elas ficariam bacanas em camisetas, mas você sabe como vende-las?

Como uma loja física, um e-commerce tem suas peculiaridades, vantagens, dificuldades e riscos. Se você nunca teve coragem de abrir um negócio físico, por que quer abrir um negócio virtual? acha que é mais fácil? Acha que requer menos esforço? Menos investimento? Se você pensa assim, você está completamente enganado, caia fora, vá fazer concurso público. Se mesmo assim, depois do que falamos, você ainda quer continuar, prossiga lendo este post , e iremos lhe explicar passo a passo como criar a sua loja.

Abrir um e-commerce de camisetas? Um plano de negócios é a chave

Para abrir um e-commerce de camisetas, ter um plano de negócios bem detalhado e bem feito, é essencial.

Por que abrir um e-commerce de camisetas online?

Está na moda abrir e-commerce de camisetas. Marcas como a Busted vem fazendo sucesso, isso inspira as pessoas a quererem ter negócios semelhantes, elas criam artes legais e querem ganhar dinheiro com isso, mas o que as pessoas que querem entrar no negócio, pensam dele?

  • Baixo investimento – Uma loja física precisa de uma alto investimento, uma loja online não;
  • Trabalhar de casa – Posso trabalhar de casa, vou por o site no ar e os pedidos irão começar a chegar no meu e-mail, vou ficar rico;
  • Minha loja vai viver cheia, tá online – Não preciso ir atrás dos clientes, eles vem sozinhos, vão me achar no Google, vou criar uma página no Facebook e um perfil no Instagram, tudo resolvido, já tenho minha estratégia de marketing, faço tudo de casa;
  • Entrega é fácil – Só mandar pelos correios, eles entregam rapidinho, é barato.

Um e-commerce de camisetas: 7 pontos chave para o sucesso

As pessoas começam sua loja, achando que vendas vão cair do céu, que aparecerá dinheiro na conta delas enquanto dormem. Não cometa esse erro. Não é fácil ganhar dinheiro na internet, pode até ter sido no passado, mas hoje requer muito esforço, estratégia, conhecimento, estudo, etc. Concentre-se em 7 pontos que vamos lhe passar, e talvez, um dia, você possa dizer que fez sucesso nos negócios:

Plano de negócio:

Tenha um plano de negócios, não é porque você está abrindo um e-commerce que você não deva ter um;

Público alvo:

Descubra quem é seu público alvo e foque nele. Quanto mais você conhecer seu público, mais você entender o seu comportamento, seus costumes, seus hábitos, mais sucesso você terá;

Padrão de produção:

É importante ter um padrão na produção, lembre-se você está vendendo camisetas pela internet, seus clientes não irão provar suas camisetas, então caso ele compre uma e retorne ao site para fazer um segunda compra, e quando ele receber a peça, ele estiver ligeiramente diferente da anterior, será uma péssima experiência para seu cliente, fora que é bem possível que você tome prejuízo, pois arcará com os custos da troca ou da devolução e ainda terá um cliente insatisfeito;

Padrão de qualidade:

Se tem uma coisa que você não pode abrir mão, é da qualidade do seu produto. Se você fracassar nesse ponto, a única coisa que crescerá, será a sua má reputação;

Design:

A concorrência é desleal, centenas de escolas ensinam as pessoas a usar o Photoshop, Illustrator, Corel, etc. Lembre-se do seu público, criar algo bacana e diferenciado pra ele;

Brand

Trabalhe sua marca, se você não o fizer seus concorrentes irão engolir você. Mesmo você tendo as melhores camisetas, os melhores produtos, as vendas vão cair no dashboard do seu concorrente;

Publicidade

Fazer publicidade é muito caro, mas não tem pra onde correr, você vai precisar investir. Você pode usar Adwords (requer investimento), também pode usar SEO (requer investimento), provavelmente vai querer usar o Facebook ADS (requer investimento), abrir uma conta no Instagram, ainda assim você vai precisar investir capital, ou você acha que os seguidores irão cair do céu e aquelas fotos bem bacanas dos concorrentes são feitas a custo zero? Nada cai do céu meu amigo.

Para abrir um e-commerce de camisetas, organização é tudo

Para abrir um e-commerce de camisetas, organização e preparação é tudo

Passo a passo para criar uma loja de sucesso

Domínio

Em primeiro lugar você precisa correr atrás é de um nome, definido isso, procure um provedor que faça o trabalho pra você, especialmente o Godaddy ou Hostgator, facilitam demais a sua vida e tem soluções bem interessantes.

Plataforma

Existem várias plataformas no mercado, você pode escolher as free como Magento, mas não recomendo, você precisa saber programar. Você pode optar por plataformas como a Vtex, também não recomendo. O custo para montar a loja, é muito alto e a manutenção também. O que eu realmente recomendo é um meio termo, por exemplo a Loja Integrada, ela entrega uma solução extremamente robusta, mas com algumas limitações, entretanto, completamente funcional e a um custo mensal bem baixo e um investimento inicial quase irrisório;

Produtos

Não adianta você ter uma loja virtual e não ter produtos pra vender, se você não tem experiência em produção de camiseta (de moda de uma forma geral), procure as Privat Labels, mas lhe adianto, você vai pagar de 30% a 50% a mais por uma camiseta, caso você tenha condições, é o ideal, pois você recebe um produto pronto, mas se esse não for o seu caso, e você não dispõe de capital, você precisará recorrer a facções, que tem um custo bem mais em conta, mas que não entrega a peça pronta, em geral elas só costuram e você terá que correr atrás da estamparia, que é outra bronca;

Matéria-Prima

Procure malhas 100% algodão, provavelmente será um sucesso, além disso, procure malhas mais encorpadas, são mais bem aceitas pelo público em geral, a medida do possível, você vai experimentando coisas novas e diferenciadas.

Impressão das camisetas

Como falamos no item anterior, optando pela Privat Label você receberá seu produto pronto. Uma segunda opção é a serigrafia tradicional. Tem também a sublimação e a serigrafia digital feita em impressoras digitais, elas tem um custo mais elevado. Outra possibilidade é trabalhar com malhas já estampadas, normalmente florais, listras e outros padrões, fazem o maior sucesso;

Como vender?

Como falamos acima, você pode vender em sua loja própria, mas também pode vender em marketplaces como a Americanas.com, eles já tem o público, é só chegar e vender, a grande desvantagem… comissões altíssimas, quase não sobra nada pra você. Você pode optar por uma solução dupla, visto que, no marketplace você não tem custo nenhum, apenas a comissão que é abatida do seu repasse mensal.

Entrega

A solução mais comum:  Os Correios, entretanto nos últimos meses fortes reajustes no preço, tornaram os fretes quase inviáveis para algumas regiões do Brasil. Você pode contornar esse problema procurando uma segunda opção ou ficando num mercado regional, onde as tarifas são mais justas.

Já se está pronto para por seu e-commerce no ar?

Com todas essas informações, você já deve estar se achando pronto para começar, mas vou te falar uma coisa, pesquise mais, aqui é só um ponta pé inicial, faça um bom plano de negócio, um bom plano de marketing, pesquisa como você ira vender, vai investir em anúncios? quanto vai investir? quem vai fazer isso pra você? além disso, pesquise como é o processo de produção, se aprofunde, se seu investimento é curto, comece pequeno, aposte em poucas peças por referencias e muitas referencias, lembre-se de nunca por todos os ovos na mesma cesta. Essas são nossas dicas, espero que tenham gostado.

História da camiseta – Um breve roteiro

A camiseta é a peça do seu guarda roupa mais versátil, com certeza, dentre todas os itens do seu armário, ela é a queridinha, mas o que você sabe sobre a história da camiseta? Onde elas foram criadas? Como se tornaram tão populares?

Por ser uma peça do dia a dia, um item básico do seu guarda-roupa, é possível que você esteja negligenciando a sua importância histórica, mas não se preocupe, vamos esclarecer tudo pra você.

Aqui vamos dar um passo a passo da sua ascensão, desde do seu engatinhar como roupa íntima nos primórdios, até os dias de hoje, item moderno e adaptável, de modelagens ousadas e estampas criativas.

Por que preciso conhecer a história da camiseta?

Por que? Porque este blog acredita que conhecimento nunca é demais, e porque o setor  têxtil é de extrema importância para a economia no brasileira. No ano 2010, o Brasil era o 4° maior produtor de itens de vestuário do Mundo.

Só para você ter uma ideia, de acordo com a Abit, o faturamento do setor crescerá em torno de 5,5% em 2018, e alcançará os R$ 152 bilhões. O setor de vestuário deve crescer 2,5% e a têxtil deverá alcançar os 4%.

Origem

Reza a lenda, que na Roma Antiga, os romanos usavam uma túnica branca, camada camisia, essa túnica pode ser considerada o parente mais distante da nossa camiseta. Ela era usada quase como roupa íntima, eram em geral brancas e tinham a função de proteger contra a transpiração.

Durante muito tempo no limbo, a camiseta ficou sendo usada como peça de baixo e sua versão mais recente, como conhecemos, surgiu entre o fim do século 19 e inicio dos século 20.

Apesar de muitas histórias desencontradas e sem muita veracidade, a ascensão da camiseta, como de muitas outras coisas inventadas pela humanidade, se deu dentro dos exércitos.

Exércitos: Primeira Guerra Mundial

Exércitos europeus e americanos disputam as origens da camiseta. Enquanto os europeus bradam por sua criação, reza a lenda que os americanos a colocaram no Regulamento de Uniforme da Marinha no ano de 1905.

Na Marinha, ela era usada como peça de baixo do uniforme do marinheiro e, em climas quentes, elas poderiam ser usadas pelos soldados como peça principal, desde que, permitida pelos seus comandantes. Os marinheiros que trabalhavam em máquinas e ambientes quentes, também estavam autorizados a usá-la, caso assim preferissem.

Com a primeira guerra, o item ganhou popularidade, e os soldados ao retornarem, trouxeram o hábito pra suas casas, mas ainda como peça de baixo.

Exércitos: Segunda Guerra Mundial

Na Segunda Guerra, a camiseta, ainda como peça de baixo, é fundamental no uniforme da marinha e do exército americanos.

Graças as revistas, o público se acostuma com fotos dos soldados vestidos com a camiseta sem outra camisa por cima. Essas fotos em geral, retratavam os soldados fazendo trabalhos pesados ou em lugares quentes.

Thomas E. Dewey

Em 1948, o candidato a presidência dos EUA, Thomas E. Dewey, lança uma das primeiras camisetas com propaganda da história, com a frase “Dew it for Dewey”.

Marlon Brando

Em 1951 em “Um bonde chamado desejo”, Marlon Brando aparece vestido com uma camiseta que realçava seus músculos. A camiseta foi um item fundamental para torna-lo sex symbol da época.

Marlom Brando, em cena, entra pra história da camiseta

Marlom Brando entra pra história da camiseta, no filme “Um bonde chamado desejo”.

O  sucesso do filme impulsionou as vendas e colocou a camiseta como um dos itens principais dos guarda-roupas das pessoas.

James Dean

Em 1955, James Dean em “Juventude Transviada”, faz a camiseta ganhar um ar de rebeldia e contestação.

James Dean, "Juventude transviada", uma história, uma camiseta, uma jaqueta, anos de rebeldia, entrm com louvor, pra nosso post da história da camiseta

James Dean entra pra história usando uma camiseta com uma jaqueta estilo bomber.

Tie dye e mensagens pacifistas

Os anos 60 foram marcados por movimentos anti-guerras e pacifistas, surgiram as camisetas coloridas e padrões psicodélicos (tie dye). Também nessa década, a industria fez muito uso de frases pacifistas, como “faça amor, não faça guerra”.

Acompanhando os movimentos pacifistas, vieram aqueles que buscavam mais liberdade e de contestação aos padrões impostos pela sociedade. Foi então que apareceram as primeiras mulheres vestidas com camisetas.

Os hippies foram de extrema importância quando falamos de camisetas e sua história.

Os anos 60 e os hippies foram de extrema importância na história da camiseta, popularizaram as estampas vibrantes e padrões aleatório (tie dye), assim como o uso de camiseta por mulheres, algo até então incomum.

Os anos de 1960, provavelmente foi o período dentro da história das camisetas, onde mais se “viajou” na criação de modelagens e principalmente nos padrões de cores e estampas.

Publicidade

Os anos 70 marcaram as camisetas como meio de expressão dos ideais jovens, tanto quanto como meio de propaganda. As camisetas foram exploradas principalmente por marcas de refrigerantes, tanto quanto, por bandas de rock.

Ramones, banda de punk rock, suas camisetas fizeram história

Os Ramones, banda de punk rock formada no Queens em Nova York, no ano de 1974. Suas marcas e logos, fizeram história e estampam camisetas com sucesso até os dias de hoje.

Marcas, ostentação e status

A década de 80 foi um momento do individualismo e do consumismo, a moda surgiu como expressão de status. Foi o momento em que os jovens queriam status, consequentemente as grifes começaram a estampas de forma exagerada, suas marcas nas camisetas.

Sociedade sem ideologia

Passamos por guerras, épocas rebeldes, movimentos pacifistas, rock em ascensão e uma década consumista, chegamos, enfim,  aos anos 90. Oposto a tudo que vimos, foram anos de “paz”, portanto, foram anos sem movimentos ideológicos mexendo com a sociedade.

Em consequência a escassez de ideologias, as camisetas são usadas por qualquer segmento da sociedade, independente de causa  ou ideologia. A camiseta torna-se enfim, um item universal.

Século 21

Enfim, chegamos ao final da nossa jornada. Estamos vivendo  anos marcados pelo rápido desenvolvimento tecnológico, surgimento das lojas virtuais, redes sociais, provavelmente, o período mais democrático para a nossa queridinha.

Anos em que as comunidades do Orkut, grupos do Facebook e Whatsapp, geraram discussões, brigas e desentendimentos, naturalmente foram segregando cada participante em ideologias. Nichos começaram a ser criados e identificados, consequentemente o mercado começa a explorar-los de forma mais agressiva. Como resultado desse movimento, surgiram as camisetas com memes, frases de efeito, estampas voltadas para cultura regional, etc. Portanto, podemos concluir que, além de ser o período mais democrático, também é o mais criativo, mais aquecido e mais rico da história da camiseta.